É para hoje: cinco ações para combater as mudanças climáticas


Dia  06 de junho de 2019 será comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente, vamos pensar um pouco sobre a saúde de nosso planeta? 

A pior seca da vida, um incêndio sem proporções, uma tempestade que arrasou uma cidade e ondas que derrubam casas. Histórias vivenciadas por pessoas comuns, que moram em cidades e áreas não urbanas do Brasil, mostram as consequências das mudanças climáticas no país. Segundo cientistas, apenas uma parte do que está por vir...

O excesso de poluição altera o clima de todo o mundo, provocando efeitos como secas muito severas em algumas regiões e tempestades anormais em outras. Há locais que, por sua vez, sofrem com o aumento do nível do mar e com ressacas que antes eram incomuns. Isto leva a problemas como abastecimento de água em grandes cidades e na agricultura. Daí, problemas como alimentos mais caros e doenças que poderiam ser facilmente evitadas passam a ter uma incidência indevida.

Não à toa, as Nações Unidas, ao elaborarem os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, incluíram “Assegurar a disponibilidade de água e saneamento para todos e todas” (Objetivo 6) e o "Combate às alterações climáticas" (Objetivo 13) na lista de medidas urgentes a serem tomadas pelos habitantes do planeta.

Com tudo isso acontecendo, que tal organizar ações de conscientização em sua unidade? Fizemos uma lista de sugestões para te ajudar. Dá uma olhada:

Organizar uma sessão de cinema 

O documentário “O Amanhã É Hoje” foi lançado na última Conferência do Clima da ONU, realizada em dezembro e mostra casos reais de como o clima planetário já mudou e afeta brasileiros de todas as regiões e rendas. Com certeza, você e os demais voluntários irão se identificar com algumas delas.

Que tal aproveitar a inspiração e buscar formas de ajudar a mitigar esses efeitos?

Plantar mudas

Árvores, além de serem bonitas, têm um papel fundamental para reduzir os efeitos do aquecimento global: produzem sombra, regulam a umidade, retêm a água da chuva, capturam gás carbônico, entre outras funções. Que tal formar um grupo de voluntários para fazer um plantio em uma área próxima? A ONG SOS Mata Atlântica tem um guia de como fazer uma ação deste tipo. Veja aqui.

Economizar Água 

Esta é chover no molhado, mas nunca é demais reforçar. Precisamos diminuir o consumo de água para que esse bem tão fundamental chegue a todos. Isto, porém, não demanda uma grande mudança em nossos hábitos. O simples fato de fechar a torneira ao escovar os dentes economiza até 79 litros de água. A conta é da Companhia de Saneamento e Água do Estado de São Paulo, a Sabesp. A empresa, aliás, tem um guia bem legal de ações para tornar o uso deste bem mais racional. Ele está aqui.

Mutirão de Limpeza

Sua cidade tem rios? Se sim, uma iniciativa bem legal é limpá-los. Afinal, a água que consumimos vem desses fluxos aquáticos e eles servem também de área de lazer, local de moradia de peixes, que alimentam aves, que podem mover sementes, que geram árvores... Enfim, todo o ciclo da natureza. Junte os voluntários com sacos e luvas e rumem para as margens do rio. Infeliz e certamente, haverá lixo a ser catado nesses locais.

Se não há rio, a praia, claro, também deve ser limpa!

Levar Água a Quem Não Tem

Segundo o Instituto Trata Brasil, quase 35 milhões de pessoas no Brasil não têm acesso a água tratada sad. Que tal ajudar essa galera? 

A seção brasileira da ONG Habitat Para a Humanidade, por exemplo, ajuda moradores da região Nordeste, a mais seca do país, a ter o que beber e com que cozinhar. Isto é feito através de reparos em telhados e da construção de cisternas para captação e armazenamento de água de chuva. Talvez vocês possam ajuda-los, nem que seja via doação ou conscientizando colegas sobre o problema.

 

Tem mais ideias? Realizou uma destas ou outras ações? Compartilhe sua experiência de voluntariado aqui no Portal!